2 de jul de 2011

ATÉ TU CHICO !!!!!!

NOSSO DEPUTADO FEDERAL CHICO ALENCAR (PSOL/RJ) ENVIA CARTA A FHC NA PASSAGEM DOS SEUS 80 ANOS:

“Caro Presidente: alguém já disse – Tancredo? – que ‘as ideias brigam, as pessoas não’. Daí a vontade de lhe abraçar pessoalmente, nesta celebração brasiliense dos seus 80. Só que briguei com o tempo e com o corpo, já que se exige aqui na Câmara, para quem é de partido pequeno como o PSOL, o ‘dom da ubiquidade’. Na correria entre audiência pública na Comissão de Direitos Humanos, que acolhia, entre outros, o querido Fábio Konder Comparato, e a CCJ, que votava a anistia aos bombeiros do RJ, por volta das 13hs fui ao seu encontro, para um abraço… no plenário do Senado. Atrapalhei-me também com o local! E já me chamavam de retorno para o trabalho da CDH. Mas faço questão de deixar esta mensagem pelo aniversário do sociólogo que li e ouvi tanto na minha juventude universitária, do senador que, através de meus familiares paulistas, ‘ajudei’ a eleger, do presidente cuja gestão tanto, com outros, tanto critiquei, do ser humano que consegue não se ‘aposentar’ da tarefa de pensar o Brasil, com muito brilho, e de ousar abrir o debate sobre questões que a sociedade, por vezes, demoniza. Como dizia Picasso, ‘é preciso viver muito para se ser jovem’. Assim seja. Curta a nova idade na serenidade que a longa estrada possibilita, ainda que marcada também pela saudade dos que se foram (a propósito, senti muito a perda do Paulo Renato, com quem convivi em alto nível aqui na Câmara dos Deputados).
Chico Alencar (PSOL/RJ)”

Um comentário:

  1. Aplausos à Chico Alencar. Talvez seja essa consepção que a verdadeira ( se é que existe) esquerda brasileira precisa: a de respeitar os adversários ao invéz de subestimá-los. A discussão sobre a descriminilização das drogas iniciada por FHC ganhou muito mais notariedade, do que o voto contra dos deputados do PSOL contra o aumento salarial dos mesmos. Por que? Porque embora votarem contra estão se beneficiando do mesmo, mas o discurso de FHC toca , e reflete desde a elite até a mãe desesperada que acorrenta o filho ao pé de uma cama. FHC sempre soube que nunca foi bem quisto em muitas esferas, mas mesmo assim ganhou dois mandatos, e elite no país não é maioria. O que aconteceu? que fato foi esse? foi sensibilizar a população de que era possível, mas jamais se afastando dela, como faz até hoje. Fato percebido por dirceu e Lula, o que fez o PT chegar onde chegou. Esse mesmo fato, [é o que faz com que PCB, PSOL, PSTU, dentre outros ganhei pouca notariedade, pois ficam nos discursos, nos ataques à "direita", tentam com isso subestimar o inimigo. percebam que nas lutas marciais, o primeiro gesto entre os "lutadores" é o respeito: cumprimentar e olhar nos olhos. Isso chama-se não subestimar. antes de ser presidente, ou político FHC é um dos maisores sociologos do país, precisamos de representantes culturais, não temos verdadeiramente um filosofo, Giraldelli, Chaui, não são mais do que reprodutores de história da filosofia. Talvez estejamos começando a ter um, mas numa esfera perigosa que é a teológica. então não é errado cumprimentar e elogiar o "inimigo" o adversário, é louvável, é raro, e grandiosos demais e somente os verdadeiros pensadores e sábios são capazes de pensarem assim. Mais uma vez palmas ao CHICO!

    ResponderExcluir