3 de fev de 2011

PROTESTO

Companheiros de Minas Gerais resolvi escrever este manifesto para demonstrar minha insatisfação com a situação do partido. Outubro/2010 já ficou para traz, as eleições nós perdemos e a vida continua.
Mas o que realmente preocupa é que os dirigentes estaduais ainda não convocaram uma reunião geral deste partido para que possamos analisar os erros e os acertos. Três meses se passaram e tantos assuntos a serem discutidos se acumulam. Cito alguns como a posse do novo presidente nacional, a prestação de contas que a estadual nunca realizou, as alterações do estatuto tão importantes que já deveriam ter sido discutidas, quais os rumos que vamos seguir visto que somos o segundo colégio eleitoral do Brasil e somos um fiasco em termos de eleições transfomando-nos em motivo de chacotas para o resto do país. Quando olhamos para outros estados e nos deparamos com a organização que eles apresentam é que temos a noção exata da desorganização do PSOL/MG.
Problemas existem, mas o partido não pode parar. Sequer temos histórias registradas, nem atas de reuniões para comprovar aquilo que no presente se decidiu. Sentimos muito o acidente do presidente João que ficou impossibilitado de tocar o barco adiante. Mas e o resto da direção? Onde está o vice-presidente, o secretário geral deste partido para que as coisas continuassem a funcionar na ausência do presidente? Não estou aqui apontando culpados, mas já está na hora de alguém tomar alguma atitude. Os companheiros que emprestam seus nomes para dirigir o partido não podem se esquecer da responsabilidade que assumiram, não podem fugir das suas obrigações para as quais foram eleitos democraticamente. Se não possuem condições de continuar na direção por algum motivo, então que saiam e abram espaço para outros companheiros que queiram assumir as rédeas deste partido.
Antes de encaminhar meu protesto à executiva nacional com um pedido de intervenção na estadual, espero sinceramente que alguma atitude seja tomada, pois caso contrario estenderei até a nacional a situação absurda que o PSOL MG se encontra.
Estou neste partido desde o primeiro projeto, passei por todas as etapas para a construção de uma nova alternativa socialista para o Brasil e já são mais de seis anos com muita luta, muita dedicação e carinho por este partido. É hora de se tomar providências, é hora de mobilizar todos os companheiros e se precisarem de mim para reorganizar o partido a nível estadual estou à disposição.

Waldir Giacomo (fundador e vice-presidente do PSOL JF)

Nenhum comentário:

Postar um comentário